terça-feira, 22 de julho de 2008

*Poema sem rimas*


Minha ausência é cristalina, sem perdão.
As mãos cansadas de escrever, sem carinho.
Meu olhar descreve o meu ser, sem fugacidade.
As bocas querem, as palavras também, ainda.

Verso que não faz sentido me deixa solta.
Sem motivos para cantarolar meus pêsames,
Mato então meu pardal, doce pardal, sem perdão.
Sem carinho, as bocas querem, sem fugacidade.

Um motivo sólido que se perde, as mãos cansadas;
Minha vontade de escrever se perde na vontade...
Cristalina minha ausência, então serei rei risonho.
Repedindo palavras, largado, aqui sou mais um...

E longe das palavras
Da métrica desnuda
Das mentiras de poeta
Vivemos sem viver...Na paz!


By Camila Passatuto

13 comentários:

xulé disse...

Sem métrica é legal.

H α ſ α η disse...

Gostei dos seus textos
Principalmente aquele intitulado *Estranho*

Parabéns, você escreve muito bem

Obs:demorei um pouco pra postar pq fiquei lendo os outros textos e esqueci de comentar

^^


Até


http://noonsense.blogspot.com/

Ricardo Jung disse...

consome-te sem desgosto explícito, sem rosto bonito, sem nada de juízo, sem nenhum valor preciso, apenas o preço de saltar sem paraquedas no abismo.


color in confusion:
http://artepoiesis.blogspot.com/

Euzer Lopes disse...

Imagino quantos pardais já matei nesta vontade de querer pôr um pouco de cor no cinza das vontades não saciadas.
Imagino quantos versos não rimei para escrever uma vida que queria que tivesse sentido.
E tem.
Eu é que não sei, muitas vezes, compreendê-lo.
Ou, pior, quero compreender de um sentido diferente.

Everaldo Ygor disse...

Olá...
Por aqui, belas composições com fotos P&B e poemas com a intensidade do lapis no papel...
Vivemos assim, atormentado por linhas, mas sempre em nossa Paz...
Belo!
Abraços
Everaldo Ygor
http://outrasandancas.blogspot.com/

Igor G. Britto disse...

Belas palavras guria...
Admiro pessoas como você, ao ato de escrever e como eu ofuscar e ao mesmo tempo deixar tão claro seus pensamentos...

Gostei,
Boa sorte menina.

Danilo disse...

Pura emoção, mas sem ser piegas. Muito difícil conseguir escrever assim.

Natália disse...

belos poemas, camila.

a metrica nem sempre é importante, a nao ser qdo exista algo a dizer atraves dela, mas aí ela é poesia, e nao regra.

abçs!!

Edu disse...

Não conheço Havana... Não conheço Cuba.
E para ser bem sincero, não pretendo conhecer rsrsrsrs

Homenzinho de Barba Mal feita disse...

Gostei do texto, é triste e intenso...
Gostei da foto, muita expressiva..

Bjos!!!


http://hdebarbamalfeita.blogspot.com/

jhessi disse...

Adorei seus textos *-*
A metrica em si não é importante, e sim o que suas palavras querem passar.
Nossa. Você escreve perfeitamente bem. É muito difícil de se encontrar pessoas assim , ainda mais, nesse mundo em que vivemos.

;**

泰兴麻将 disse...

See you in these things, I think, I started feeling good!
Personalized Signature:贵州信息港休闲游戏中心,我爱掼蛋网,重庆游戏中心,金游世界视频棋牌游戏中心,南通棋牌游戏中心,贵港热线休闲游戏中心,淮安棋牌游戏中心

decorative fishing net disse...

I will pass on your article introduced to my other friends, because really good!
Other Net